Resenha Dupla: INOAR - Óleo de Coco #Bombar & Creme Hidratante para Mãos

Olá pessoal, tudo okay?
Ursini está de volta com seu primeiro post em 2018! :}
Peço desculpas pela ausência nos últimos meses.

A resenha de hoje é dupla, e sobre dois produtos da INOAR, sendo eles o "Óleo de Coco #Bombar", que é multifuncional, e o "Creme Hidratante para Mãos". Ambos foram lançados no ano anterior, sendo este último próximo ao fim do mesmo.


O leo de Coco #Bombar da Inoar promete fortalecimento dos fios. Além disso, é concentrado com biotina e d-pantenol.

Já o Creme para Mãos da Inoar promete hidratar, restaurar a barreira protetora natural da pele Além disso, contém Água Termal da marca, e é enriquecido com óleo de argan, candelila (amo), e o complexo Rejucomplex3.

Ambos os produtos não possuem contra indicações de biotipos, sendo então livres para todos os tipos de cabelo e pele. O óleo contém 30 ml custando cerca de R$ 13,00. O creme para mãos contém 50 ml custando cerca de R$ 18,90 - R$ 20,00. Vale a pesquisa.


Óleo de Coco #Bombar - Inoar
Produto de categoria Home Care.
(Encontrado em grandes perfumarias ou em lojas online)

Descrição: 
#Bombar Coconut tem Biotina, conhecida como a vitamina da beleza, que ajuda no crescimento, fortalecimento e combate à queda, e mais óleo de coco, rico em Vitamina E e ácidos graxos, um poderoso hidratante que age na porção interna do fio do cabelo, reconstruindo-o e fortalecendo-o. Seu uso regular colabora para o crescimento e a saúde dos cabelos."


O produto vem em um pequeno frasco em tonalidade âmbar escuro, ideal para se conservar as propriedades oleicas. O conteúdo é fluido de textura liquida com um toque levemente seco e oleoso. A coloração é quase transparente com um levíssimo fundo em tonalidade creme, quase imperceptível. O aroma é da parte suave do coco, não sendo um aroma enjoativo, nem muito frutal, nem muito adocicado. É um aroma que particularmente me agrada. Já recebi elogios quando o utilizei por conta do aroma. Não espalha pelo ambiente, mas é notável para quem esteja próximo, durando por longas horas.


Modo de Usar:
"Para umectação, aplicar mecha a mecha em cabelos secos. Deixe agir no mínimo 30 minutos (a umectação pode ser feita à noite, sendo retirada pela manhã). Depois do tempo de ação lave normalmente com shampoo e condicionador.  O óleo também pode ser adicionado à máscara para potencializar seu efeito (5 a 8 gotas para cada 20g de máscara) e como finalizador em cabelos secos ou úmidos."



A Fórmula:


O Que Temos de Bom: óleo de argan, óleo de macadâmia, óleo de coco, óleo de oliva, óleo de amêndoas doces, biotina, pantenol. Como podem perceber, é basicamente ativo solto com um toque de conservante e fragrância, apenas. Os óleos são potencialmente interesterificados, por conta de não se tornarem rançosos, mantendo a característica plenamente fluida. O que é um plus, já que o óleo de coco, por exemplo, atinge a forma sólida em temperaturas baixas. 


Experimentação do Felipe Ursini:
Utilizei o produto no cabelo junto das três formas possíveis. A aplicação é simples, ele é fácil de espalhar pelos fios, o toque é levemente oleoso, mas não completamente gorduroso. Doa até um toque de nutrição à pele das mãos. É fácil de sentir onde já tem produto nos fios, o que evita desperdícios.

Como umectação, noto que o produto deixa os fios com mais brilho e menos danos após o uso do shampoo. O que faz sua ação eficaz e comprovada. Gosto mais de utilizá-lo junto à máscara ou junto a um finalizador, e com isso, os efeitos são ainda mais notáveis, sendo eles maior refração de brilho sobre as fibras capilares, maior sedosidade sem agregar peso ou efeito gorduroso, fios mais alinhados, tenros e um aroma agradável. A quantidade necessária por uso é relativamente baixa.




Creme Hidratante para Mãos - Inoar
Produto de categoria Premium.
(Encontrado em grandes perfumarias ou em lojas online)

Descrição: 
#Formulado especialmente para o relevo das mãos, com óleo de Argan, altamente hidratante, repara e restaura a barreira protetora natural da pele. Contém Água Termal de Inoar."

A Fórmula:


O Que Temos de Bom: pantenol, ácido hialurônico, cera de candelila, óleo de argan, extrato de gengibre. Ativos com propriedades variadas, como o pantenol que é hidratante e cicatrizante; o ácido hialurônico que possui função similar, além de levemente selante; a cera de candelila que é capaz de fornecer nutrição e proteção natural; o óleo de argan que dispensa descrições e o extrato de gengibre que tem ação micro estimulante.



Experimentação do Felipe Ursini:
O produto vem em embalagem bisnaga de coloração dourada amarelada, fácil de manusear e ideal para que se evite desperdícios. O conteúdo possui coloração branca e sua textura é mediana, não sendo muito firme, nem muito fluida. Um meio termo ideal, fácil de espalhar sobre a pele, mas sem ser mole demais de modo que houvesse uso exagerado de seu conteúdo. Fora o aroma, que particularmente gosto bastante, que é a da linha Inoar Absolut Daymoist (resenha aqui), que vocês sabem que eu sempre gostei muito. É difícil de explicá-la, sendo algo com um toque floral aromático, porém elegante. 

No uso, como dito acima, o produto espalha fácil pela pele. Não possui toque oleoso ou pesado, é bem suave. A textura se dissolve facilmente na pele, doando um toque completamente sedoso às mãos, sem as tornar pegajosas ou escorregadias, sendo um efeito hidratante, mas que logo se sela, não deixando as mãos úmidas, porém, sedosas. Acho o efeito ideal para este tipo de produto. Além disso, a fragrância fica na pele de maneira suave. O produto dura bastante, pois é necessária uma pequenina quantidade por uso, se usar demais a pele fica opaca, já que ele possui essa característica auto-secante, que acho ótima.

Para ser sincero, é o hidratante de mãos que eu levo em minha bolsa. Uso há meses.


 


 Veredito de Felipe Usini

O que promete: (ÓLEO) Fortalecimento.  | (CREME DE MÃOS)  Hidratar, reparar e restaurar a barreira protetora da pele.
O que faz: (ÓLEO) Noto os fios mais iluminados, sedosos e com um toque mais firme. Sem aspecto pesado ou gorduroso. | (CREME DE MÃOS) A pele fica sedosa e hidratada, além de perfumada, de modo instantâneo, além de não ficar melecada ou pegajosa, tendo o produto um efeito auto-secante, deixando apenas o toque suave.
Classificação: (AMBOS) Excelentes
Compraria novamente: (AMBOS) Sim. Os utilizo. Principalmente o creme para as mãos.
Nota: (ÓLEO) 10 | (CREME DE MÃOS) 10+

E aí, gostaram? Já experimentaram?



Até breve.Abraços.